The Venetian Macao

Então dia 04 de agosto fomos para Macau. Pegamos um avião até Guangzhou e de lá pegamos um ônibus para a fronteira de Macau, onde temos que fazer todo aquele esquema de passar na alfândega e tudo mais, já que estamos entrando em uma Região Administrativa Especial da China e é considerado uma área internacional para viagens.
Macau foi colonizada e administrada por Portugal durante mais de 400 anos e é considerada o primeiro entreposto, bem como a última colónia europeia na China que foi liberada em 20 de dezembro de 1999.
Mas o mais importante sobre Macau não é a cidade, mas onde você fica quando vai para essa cidade. E nós ficamos no The Venetian, um resort-cassino que tem 980 mil m² (sim, isso mesmo), sendo 51 mil m² de casino — o maior do mundo — com 3.400 máquinas de jogos e 800 mesas de jogos e uma arena de 15 mil lugares para espectáculos e eventos desportivos.

Vista noturna do exterior do Venetian.

Vista noturna do exterior do Venetian.

E eu mencionei que quando você passa pela alfândega e está registrado no hotel, tem um ônibus esperando para te levar para lá?

Pegando uma carona para o cassino.

Pegando uma carona para o cassino.

É um absurdo o tanto que tudo lá é lindo… Já na chegada você dá de cara com o hall de entrada para o cassino que é um acontecimento à parte. Isso fora as “lojinhas” que rondam tudo lá: Tiffany&Co, Armani Exchange, Hermès e várias outras de deixar qualquer pessoa como eu completamente enlouquecida.
E como eu acho que nem adianta descrever, estou lotando esse post de fotos!

O "Great Hall" de entrada para o cassino.

O "Great Hall" de entrada para o cassino.

Fora isso que no terceiro andar do hotel (isso mesmo – no 3º andar) tem um canal de gôndolas, imitando a cidade de Veneza. E não é só isso… Todos os gondoleiros são cantores de ópera. Então, enquanto você passeia na gôndola todo chique, o gondoleiro vai cantando “O Sole Mio“.

Uma vista do "Canal de São Lucas".

Uma vista do "Canal de São Lucas".

Gondoleira vira Pavarotti.

Gondoleira vira Pavarotti.

Também no 3º andar tem um parque aquático externo. Não sei como eles fizeram isso, mas fizeram. E é grande! Tem quatro piscinas – sendo uma semi-olímpica e uma exclusiva para adultos (isso, sem crianças gritando e jogando água em você!).

Parque aquático no 3º andar!

Parque aquático no 3º andar!

Outra coisa bem legal e, como diz o Breno, faz a gente se sentir super rico (hehehe), é que a qualquer momento, em qualquer lugar dentro do hotel, pode surgir uma pessoa na janela cantando ópera.

Olha lá na janelinha!

Olha lá na janelinha!

Ou um personagem de um sonho lúdico qualquer, como um anjo, uma fada ou um príncipe encantado…!

Anjos e príncipes ao alcance das mãos.

Anjos e príncipes ao alcance das mãos.

E, como toda pessoa chique que se preza, fomos fazer compras e depois ao cassino jogar, né?
Só que no cassino mesmo não pode tirar foto. Aí, como a gente não gosta muito de obedecer regras, tiramos uma meio escondida com o celular mesmo!

No cassino, com sacola de compra.... Chique!

No cassino, com sacola de compra.... Chique!

Aí jogatina vai, jogatina vem… Ganhei minha parte e, como boa moça que eu sou, fui tomar champagne com o dinheiro que ganhei! E tem lugar melhor para fazer isso do que um bar exclusivo da Moët & Chandon?

Gente phyna é outra coisa!

Gente phyna é outra coisa!

E, por último e super importante, no nosso pacote do hotel tinha incluso dois convites para o espetáculo do Cirque Du Soleil, Zaia! Esse show é exclusivo do The Venetian Macao e não tem em nenhum outro lugar do mundo…
É uma das coisas mais lindas que eu já vi! É a história de uma garota que sonha em ser astronauta e visita vários planetas diferentes… Lindo, lindo, lindo!
Lá dentro não pode tirar foto de jeito nenhum! E a galera vigia muito mais do que dentro do cassino. Então, a única foto que tem mesmo, é do lado de fora. Eles soltam uns balões no fim do espetáculo e nós pegamos!!!

Vivendo o sonho da Zaia.

Vivendo o sonho da Zaia.

Mas, como eu não gosto de deixar ninguém curioso, fui atrás e achei o trailler do espetáculo para todo mundo ter uma idéia da magia que é:
[videolog 570653]

E é isso. Não tenho como explicar a quantidade de foto que eu coloquei nesse post, só que era a única maneira de todo mundo entender a maravilha que é esse lugar… E eu quero voltar pra lá e morar lá dentro!!!

Anúncios
Published in: on 28/08/2010 at 23:24  Comments (4)  
Tags: , , , , , , ,

The URI to TrackBack this entry is: https://jusantana.wordpress.com/2010/08/28/the-venetian-macao/trackback/

RSS feed for comments on this post.

4 ComentáriosDeixe um comentário

  1. Aaah, meu Deus.. Isso sim é o que eu chamo de paraíso!! Só acho super chato essas coisas de nos lugares mais fantásticos e nos espetáculos mais maravilhosos a gente nunca poder fotografar!! Eu fico me perguntando.. Pra que tanta beleza se não pode compartilhar!? Acho que até por isso muita gente nunca ouviu falarde lugares excepionais.. E esse terceiro andar do hotel!? Aaah, queria só ele pra mim!! Heheh!! Saudade. E, quanto mais fotos você coloca, melhor. Adoro ver a carinha de vocês de felicidade!!

  2. Nossa! Que lugar lindo! Fiquei com vontade!

    • vem pra cá, vem!

  3. Nunca imaginei que Macau teria tanta coisa interessante e bonita! O que mais gostei foi o bar Moët & Chandon!

    Voltei para o blog. Estava sem tempo por causa dessa onda das camisetas. O banner ficou maravilhoso! Todo mundo que entra lá comenta! Thanx!!!

    Amo vc! Saudades!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: